quarta-feira, 16 de junho de 2010

Cora

















Junho está me trazendo novas possibilidades de aprender com os materiais. Na feitura (será que existe esta palavra?) sei lá... ela representa bem o que eu quero dizer: fazendo Cora, permiti-me parar de brigar com a massa. Como havia sobrado bastante dos cachepots, resolvi recobrir a caixa de mdf com ela para dar este resultado mais rústico, pois me inspirei na frase de Cora Coralina "Eu sou aquela mulher que fez a escalada da montanha da vida, removendo pedras e plantando flores."



















Deu este resultado de uma casa de paredes rústicas, mas recoberta de muitas cores e flores. Não seria esta a mensagem da escritora, que soube tão bem transformar seu cotidiano simplório de doceira através da palavra? Não é isto uma arte de viver?

Postagem em destaque

Nova Criação

Samantha Fox Criada para o bloco Surdos e mundos para o carnaval de 2017.